A M O R


A M O R
Dois irmãos eram donos de uma grande fazenda. Cada um deles tinha sua própria casa em seu lado. Todos os dias eles dividiam os produtos colhidos e cada um ficava com metade. Certa vez, o irmão mais velho pensou: “Sou casado e tenho filhos, enquanto meu irmão ainda é solteiro. Tenho uma vida tão feliz e perfeita! Ele precisa mais do que eu da riqueza de nossa fazenda”. Dito isso, no meio da noite, encheu uma carroça com produtos e levou até o celeiro do irmão em segredo, para evitar que ele recusasse o presente. Na mesma noite, o caçula pensou: “Meu irmão é casado e precisa sustentar a família dele. Precisa mais das riquezas do que eu”. Encheu uma carroça com produtos e levou para o celeiro do outro. Durante anos, os dois faziam isso em horários diferentes da noite. Sem saber de nada, um levava riquezas na casa do outro. Até que um dia um deles saiu mais tarde do que de costume, o outro saiu mais cedo, e eles se encontraram no meio do caminho.Os dois se deram conta do que estava acontecendo: um estava dando ao outro suas riquezas. Sentiram um amor incomensurável, abraçaram-se e choraram. No lugar onde caíram as lágrimas desses irmãos que tanto se amavam, foi construído mais tarde o Templo Sagrado.
Shmuel Lemle

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s