HINO DA UMBANDA – Por Sid Soares


Impossível ouvir o Hino da Umbanda e não se emocionar! Muito embora cada terreiro ou tenda tenha sua particularidade, sua maneira de vivenciar a Umbanda, uma coisa é certa: em todos ouviremos o hino, seja no início ou no fim dos trabalhos.

Conhecer a história dele é alimentar a história da própria Umbanda. Não há filho de fé que não se emociona ao cantá-lo.
Nosso hino é de autoria de José Manoel Alves, português que veio para o Brasil em 1929, com pouco mais de 20 anos e residiu no estado de São Paulo e foi um compositor com vários pontos e músicas gravadas.

Cego de nascença, José buscou na Umbanda a cura através do Chefe, Caboclo das Sete Encruzilhadas e de pai Zélio de Moraes, porém sem sucesso visto que sua cegueira era de origem cármica.

Não sei se cabe aqui, mas acredito que a cura alcançada foi a da visão do coração. José Manoel se apaixonou pela Umbanda e tocado pela fé escreveu esse hino que mostra que a Luz Divina só poderá ser vista e refletida em todo seu esplendor quando vista com amor e fé, através dos olhos do coração!

Saravá Umbanda!

Umbanda Saravá!

Essa foto abaixo, do Hino da Umbanda, faz parte do acervo de Helenice de Carvalho, Mãe Pequena da Tenda Espírita Pai Mané de Aruanda

 

IMG-20160611-WA0018

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s